Para o verão 2017, a CAJO buscou nos encantos do espetáculo Joya de Cirque du Soleil a inspiração para criar as peças marcantes da temporada batizada de Raridade. A leveza dos movimentos da dança, as cores vivas e o ambiente folclórico do show receberam interpretação única. A estação traz uma cartela de cores atraente e repleta de contrastes, assim como os tons que colorem a costa banhada pelo mar do Caribe, com praias de areia branca, mar azul turquesa e recife de corais.

Os shapes foram inspirados nos figurinos do espetáculo, que transitam entre fluidos, numa brincadeira de esconde-revela guiada pelos movimentos delicados e leves dos acrobatas, e os estruturados, que surgem como composição do cenário. Os vestidos podem ser em linha A, godês, tubulares, amplos ou sereia. Os comprimentos são democráticos, vão do mini ao longo.

Entre os materiais utilizados, a marca se mantém fiel aos bordados em alto relevo, à pedraria e às rendas, que aparecem recortadas do próprio tecido e aplicadas utilizando a técnica da moulage. Os tecidos são nobres como jacquard, seda e viscose. Recortes estratégicos dão charme, enquanto efeitos metalizados imprimem modernidade. A alfaiataria se faz presente em contraponto à pegada soft da estação. O hit da temporada fica a cargo das peças com informações de lingerie, rendadas e repletas de transparências.